Xperia Z2: sonho de consumo

Na semana passada, escrevi sobre a SmartBand, pulseirinha de fitness que acompanha a edição brasileira do Xperia Z2. E que tal o novo topo de linha da Sony? A primeira coisa que chama a atenção nele — como já chamava no seu irmão mais velho Z1 — é o visual clean: duas placas de vidro, frente e verso, com uma estreita barra de alumínio nas laterais, emoldurando a tela Full HD de 5,2 polegadas. Isso faz do Z2, pelo menos para mim, o mais bonito e elegante dentre todos os aparelhos Android; mas, sendo um Sony, é claro que tem bem mais do que beleza a oferecer.

Como o seu antecessor Z1, ele também é a prova d’água. Realmente à prova d’água, ou seja, pode ser utilizado numa piscina durante cerca de 30 minutos, a um metro e meio de profundidade, categoria IP 58.

Parênteses para uma explicação: o código IP, ou International Protection Marking, é um padrão estabelecido pela IEC (International Electrotechnical Commission) para disciplinar a descrição dos níveis de proteção de aparelhos mecânicos e eletroeletrônicos. Afinal, expressões como “à prova d’água” ou “à prova de poeira” são termos vagos, mais apropriados ao marketing do que à engenharia de produtos. As tabelas do código IP estabelecem valores de proteção bastante claros para cada algarismo. Fecha parênteses.

O que se faz com um smartphone debaixo d’água? Fotos subaquáticas, naturalmente, já que bater papo a um metro e meio da superfície não é prática recomendável. O X2 está muito bem equipado para isso. Tem uma ótima câmera de 20.7 megapixels e, detalhe importante para quem gosta de fotografia, um botão dedicado, que desperta a câmera quando pressionado, mesmo que o telefone esteja dormindo. Os controles manuais deixam um pouco a desejar justamente onde são mais necessários, no foco, que não pode ser inteiramente ajustado pelo usuário, como no Lumia 1020, ainda o padrão pelo qual se medem todas as câmeras de smartphones. Por outro lado, o modo Superior Auto do X2 produz excelentes imagens, embora limitando o seu tamanho a 8 megapixels. Como de costume, a câmera tem vários modos pré-definidos. Um deles, que usa efeitos de realidade aumentada, é particularmente engraçadinho, e adiciona dinossauros, elementos de festas e uma quantidade de temas que podem ser baixados da Playstore ao que capturamos: uma brincadeira simpática, que vai fazer sucesso com as crianças.

Na área de vídeo, o novo topo de linha da Sony, que tem estabilizador de imagem e recursos de câmera lenta, é um aparelho à frente do seu tempo: ele faz filminhos em 4K. Para apreciá-los plenamente, porém, é preciso ter uma TV 4K, por enquanto coisa para poucos. Em compensação, graças a esse detalhe, o aparelho vem com impressionantes 3Gb de RAM; há outros 16Gb para armazenagem, expansíveis a 128Gb com cartão micro SD. O som estéreo, com cancelamento de ruídos, é muito bom.

Seu concorrente direto é o Samsung Galaxy S5, que vem com configurações igualmente avançadas. O Galaxy S5 tem leitor de digitais, como o iPhone 5S, e bateria removível, duas indiscutíveis vantagens; já o Xperia Z2 tem um grande trunfo na televisão digital. O S5 é menos anfíbio (é apenas resistente a água, e não deve ser submerso) mas, por outro lado, tem um ótimo sensor de batimentos cardíacos. A interface do Xperia Z2 é mais ágil, consome menos memória e é mais bonita; o acabamento do aparelho da Sony também ganha do da Samsung mas, até por ser vidro, esquenta mais do que o S5. Os dois estão na mesma rarefeita faixa de preço, em torno dos R$ 2.500, mas o Sony se sai melhor também nesse quesito por trazer a SmartBand incluída na caixa; a Gear Fit da Samsung, que deve ser comprada separadamente, custa cerca de R$ 650.

(O Globo, Sociedade, 18.7.2014)

Anúncios

2 respostas em “Xperia Z2: sonho de consumo

  1. Cora, qual não foi minha surpresa ontem, terça-feira, pois entrei no FB para saber das novidades, mas não consegui acessar sua página. Hoje foi a mesma coisa. Mesmo procurando pelo seu nome, não havia nada. Um texto avisa que não existe. Para participar da sua página no FB, jamais solicitei amizade, pois era público. Hoje, enviei recado pra Layla sobre o assunto e agora, à noite, ela me disse que está tudo normal. Para ela, bem entendido. Ocorre que ela consta como sua amiga. Seria eu sua inimiga? Como faço para ter acesso? Não tem onde clicar. Gostaria que você me respondesse, por favor, pois gosto de ler os comentários. Fico no aguardo. Obrigada. Abraços.

Diga lá!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s