Fala Ramez Salama, um dos meus amigos egípcios

Nós ficamos tão traumatizados com a ditadura que não conseguimos mais perceber qualquer ligação entre civis e militares como algo positivo. A maioria dos egípcios, porém, está aplaudindo os seus militares como heróis.

Meu amigo Ramez Salama só não é um típico egípcio porque é copta, e os coptas são, hoje, minoria. Mas ele estudou egiptologia e exerce uma das profissões mais populares e requisitadas por lá: é guia de turismo. Passamos uma semana juntos e, claro, conversamos muito sobre a situação do país. O que ouvi dele foi, essencialmente, o que ouvi de todos os outros egípcios com quem conversei — motoristas, taxistas, lojistas, cozinheiros, garçons, funcionários de embaixada e assim por diante.

Ramez acaba de postar o seguinte:

“Meus amigos espalhados pelo mundo… Não acreditem na CNN e na BBC. Isso não é um golpe militar… Isso é a defesa pelos militares da identidade egípcia, usurpada pela Irmandade Muçulmana. Ao longo do último ano, ela tentou mudar a cultura do país à força, e nos fez sofrer muito.

A IM não tem visão… é um bando de terroristas.

Longa vida ao Egito e aos nossos grandes líderes militares!”

Aliás, e a propósito:

Postei isso também no FB, porque há um pessoal que realmente tem problemas de interpretação de texto:

Escrevi há algumas horas um post em que disse que Egito é Egito e Brasil é Brasil. Os dois países vivem momentos tão diferentes que não dá nem para começar a comparar; por isso — e por ter ido há pouco ao Egito, e por ter visto com esses olhos que a terra há de comer o que é um país mergulhado no caos — não descartei de cara a intervenção dos militares DE LÁ. 

Vou repetir: DE LÁ. 

OK? 

LÁ = Egito. 

O Egito estava virando — se é que já não tinha virado — uma ditadura fundamentalista. Mas bastou que eu não condenasse os militares egípcios a priori para me acusarem de bater palma para golpe militar. 

Assim, genérico. 

Como se eu estivesse torcendo para que a mesma coisa acontecesse no Brasil. 

Eu posso com isso?!

Conclusão: Block é vida, block é saúde!

Anúncios

Uma resposta em “Fala Ramez Salama, um dos meus amigos egípcios

Diga lá!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s