Secretário promete devolver todos os animais ao gatil, após desfile das campeãs

O mundo da proteção animal passou por um terremoto no começo da semana, quando  se soube que os fogos que abrem os desfiles das escolas de samba continuarão a ser lançados de dentro da área hoje ocupada pelo Gatil São Francisco de Assis, da prefeitura. Desde que o gatil foi inaugurado, em junho passado, já se sabia que os fogos do sambódromo seriam um problema para os bichinhos, que têm horror ao barulho. Ninguém imaginou, porém, que a rotina continuaria a mesma depois da presença dos gatos — e, também, do considerável investimento feito nas instalações do gatil, que custou R$ 400 mil aos cofres públicos. Até porque promover queima de fogos no lar de cerca de 200 gatos seria incorrer na lei de crimes ambientais, que prevê pena de três meses a um ano para quem maltrata animais.

A questão foi resolvida depois de reuniões entre a Secretaria Especial de Proteção e Defesa dos Animais (Sepda) e a Riotur. A corda estourou para o lado mais fraco mas, pelo menos, os gatos ficarão em segurança durante o carnaval. Ficou decidido que eles serão temporariamente transferidos para a Fazenda Modelo, em Guaratiba, onde permanecerão até duas semanas depois do Desfile das Campeãs. A Riotur se comprometeu a devolver o gatil limpo e em perfeitas condições.

Os gatos serão levados para a Fazenda Modelo de ônibus, em caixas de transporte. Segundo o secretário Cláudio Cavalcanti, da Sepda, eles serão acompanhados pelas protetoras que os conhecem desde que viviam no Campo de Santana.

— Elas receberão carteirinhas que lhes darão direito a visitá-los na Fazenda Modelo sempre que quiserem — diz o secretário. — Além disso, uma vez por semana, até que os gatos voltem, a Sepda disponibilizará condução para levá-las até a Fazenda Modelo, onde uma área está sendo especialmente preparada para receber os gatos e para evitar que se misturem aos animais lá existentes. Prometo que todos, sem exceção, serão trazidos de volta para o gatil.

Não é o ideal, mas é a solução possível. A próxima etapa será encontrar um lugar onde os gatos possam viver sem sobressaltos, e sem precisar passar por uma estressante mudança anual. Segundo o secretário, que acaba de assumir o cargo, o atual gatil poderá vir a ser convertido em pronto-socorro veterinário, coisa que ainda não existe no município.

 (O Globo, Rio, 24.1.2013)

 

Anúncios

13 respostas em “Secretário promete devolver todos os animais ao gatil, após desfile das campeãs

  1. Estou com muita pena dos gatinhos. Eles mal se acostumaram com um lugar e já vão ser levados para outro. E ainda por cima provisório! Daqui a pouco lá vão eles de novo voltar para o gatil. Quem tem gato sabe o quanto eles sofrem com as mudanças. E eu que tinha ficado feliz quando soube da inauguração do gatil e da retirada deles do Campo de Santana onde sofriam todo tipo de maldades… Será que ninguém da prefeitura pensou nos fogos quando construiu o gatil naquele lugar?

    • Essas pessoas não pensam, eles não tem cerebro e nem coração, isso foi obra eleitoreira, só acredito que os gatos voltam depois de ver, com esses politicos devemos ser igual a Tomé, ver para crer, pois eles não fazem nada sem o interesse.

  2. Eu devo estar num justificável mau humor, aqui reclusa, de pé quebrado, mas cada vez que leio sobre este imbróglio, de partir o coração, o mínimo que penso- para ser educada- é : “estão devolvendo porque o churrasquinho de gato anda barato” e “queria ver transportarem meia dúzia de gatos, sozinhos, sem as cuidadoras” e “elas foram contratadas pelo governo – eu sei que não- e recebem por cargo comissionado?- é lógico que não, ninguém trabalha nisso por dinheiro.

    Resumindo: pobres gatos que viviam pelaí subindo em árvores e agora são títeres da incompetência oficial.
    Pobres senhoras, manipuladas na sua dedicação e afeto.

    Acho tudo muito triste.

    • já passou da hora de o rio fazer um hosp.veterinario publico pq essas protetoras sao heroinas, eu nao sreia capaz de fazer tal coisa visto que sou voluntaria numa obra de prevençao do suicidio tenho 7 gatos q cuido com zelo e ainda vigio os da minha redondeza para nao serem maltratados deus abençoe essa gente .

      • Concordo plenamente ! Tenho duas grandes amigas que são e acompanho de perto o trabalho delas,e ajudo quando posso;adotei recentemente mais dois gatos,um com 8 anos.O trabalho delas é árduo e constante pelo bem estar deles ! Eu as admiro muito !!!

        • é como enxugar gelo . o ideal é q pudessemos castrar todos os da rua mas como eles sao ariscos fica dificil. beijos e vamo q vamo.

          • Eu concordo com você Percilia a castração é o metodo eficaz para diminuir o abandono de animais, mas nossos politicos não se importam. Aqui em Itaboraí tem uma faculdade veterinária, e a castração neste estabelecimento é mais cara do que nas clinicas particulares, e ainda por cima é feito por estagiários. Poderia ser a preço populares, com um preço mais acessivel muitos castrariam as femeas pelo menos, uma Casttração de gata aqui custa em torno de R$ 280,00, muito caro para quem ganha salario minimo, e são as pessoas queganham pouco que mais tem animais em casa.

Diga lá!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s