A impressora de café

Quando estive em São Paulo, na semana passada, tinha um bilhete de volta para o Rio marcado para as oito da noite; mas corri para o aeroporto assim que terminei o debate na Campus Party e consegui aterrissar no Santos Dumont antes das quatro. Fiquei tão contente, mas tão contente, que corri para a loja Nespresso da Garcia Dávila e comprei uma linda maquininha chamada Pixie.

Há tempos eu vinha de olho nela, e naquelas cápsulas coloridas e lindinhas. Só estava mesmo precisando de um empurrão.

De lá para cá estou experimentando cafés diferentes, chamando a família e os amigos para testarem os sabores comigo e discutindo no Twitter, com outros viciados, as vantagens deste ou daquele sabor.

Até o momento, a única diferença que consigo perceber é se um café é forte ou fraco. Pode ser que, com o tempo, eu vire uma autêntica enochata de café, mas por enquanto estou satisfeita com o meu nível de conhecimento (ou, mais apropriadamente, de ignorância).

Também fiz compras para a cafeteira no ebay: encontrei cápsulas recarregáveis, que podem ser úteis se um dia eu ficar sem as cápsulas bonitinhas, e mandei vir três pacotes de um sabor especial, de chocolate, que já não se encontra à venda nos canais habituais.

Vício é vício.

Anúncios

32 respostas em “A impressora de café

  1. o café soluvel que gosto é o Iguaçu também bem forte. Agora está difícil achar o pó comum desta marca, mesmo no sul. O site deles é bem completo e eles entregam. o soluvel é mais fácil de achar.

  2. Meu preferido também é o forte Ristreto.
    Não gosto de leite, apesar de consumir e gostar de yogurt, coalhada e outros derivados. A maquininha de fazer espuma de leite e afins me cativou. Será minha proxima aquisição. 100 dolares em New York e aqui já vi por incríveis 990 reais.

    • Regina, essa maquininha de fazer espuma está custando R$ 150 na loja da Nespresso na Garcia Dávila (e provavelmente também na loja do site). Nem preciso dizer que já comprei uma… Funciona lindamente!

  3. Depois que passei a usar uma cafeteira de prensa francesa ( de inox, comprada no eBay ), não consigo mais beber outros tipos de cafés ( fiquei fresco/chato ). Para combinar, uso sempre o café Frevo ( orgânico ) do Armazém do Café moído no nível 5. É,… tô fresco mesmo !!!

  4. Cora, fui informada pelo facebook, através de outra amiga dos gatos, que hoje é o DIA DOS GATOS!

    Parabéns à toda a famiglia.

    Se bem, que pelo pouco que conheço dos gatos, todo dia é dia deles 😉

  5. Ola!

    Vocês não acham que todo nerd(como eu) acaba ficando “*.chato” por tudo o que gosta? Comecei a tomar café quando me casei. Gostei e comecei a ler, estudar, experimentar, etc. Hoje acho o café tradicional, extremamente forte, quente e doce, intragável!

    É um efeito colateral de gostar de estudar.

    Abraços arábicos!

  6. Também só consigo diferenciar café forte e café fraco. Acho engraçada toda aquela descrição com notas, bouquets, aromas, etc… me sinto um candidato a boa revisão no otorrinolaringologista!

  7. só um lembrete:

    beber café faz bem. mas…

    café expresso não faz bem. é que parte dos óleos essenciais que, quando quentes, dão aquela explosão de aroma e sabor, ao esfriar, ajudam a entupir artérias e vasos sanguíneos.

    melhor evitar o excesso e não transformar o hábito em vício.

    bem controlado, muito de vez em quando, é um prazer.

    mas, para a rotina, diariamente, bom para a saúde é o café de saco, como se diz em Portugal, o café coado em coador de pano ou de papel. esse processo retira da bebida a gordura prejudicial, sem eliminar as propriedades aromáticas mais marcantes.

    café faz muito bem ao coração e ao cérebro, quando bem dosado e bem preparado.

    beijos!

      • ah, Laura… durma-se com tanto falatório, né? e aí, como faz? bom, como a Nestlè pode patrocinar mais pesquisas que as fabricantes de coador de pano, ainda fico com o pé atrás. pelo sim, pelo não, vale o teste do café frio: café expresso, quando esfria, fica com manchas de gordura boiando, bem maiores do que o café coado. eu, que já tenho tendência para artérias entupidas, passo longe, por mais delicioso que seja… e olha que é difícil. ehehehe… mas, como diziam mamãe e vovó: mais vale um gosto… 🙂

  8. Inveja da braba!

    O problema é que além da cafeteira eu tb quero o garoto propaganda ¬¬

    Boas degustações!

    PS: meu favorito é o ristreto, que por acaso é o mais forte de todos (o da cápsula preta)

  9. Oi, Cora, tudo certinho!?
    Café expresso é tudo de bom, né? Mas, como conseguir um, no sarcófago, sem tomada?
    Vou ensinar como fazer um desmaquineizado gostosinho:
    – Coloque num copo duas colheres pequenas de Nescafé e duas de açucar;
    – misture um pouco;
    – pingue algumas gotas de água na mistura – gotas mesmo, só pra molhar, senão não dá liga;
    – bata bem até conseguir uma massinha como chocolate derretido;
    – coloque água bem quente (antes de ferver) devagar, provando, até ficar ao gosto – forte ou mais fraco.
    Dei essa receita pro Anúbis que até me aliviou na pesagem do coração…
    Um beijo da múmia.
    (8{>

    • Aqui em casa costumo fazer isso e chamo de “café batido”. Fica mesmo parecendo um expresso.
      A turma visitante, até mesmo quem detesta Nescafé, acha ótimo.
      Como eu só tomo café puro, sem açúcar, nunca provei.

  10. Todas as vezes que vejo uma maquina destas, fico com vontade de comprar.
    Há um monte de parecidas, de outras marcas, mas a minha esposa, salve, salve, sempre está por perto para dizer: – Pode comprar à vontade, mas a máquina que temos em casa vai ser dada para alguém..
    Como esta máquina antiga foi a que ganhamos como um dos presentes de casamento, há 19 anos, mantenho-a bem quietinha.
    E mato a vontade, que não é muita, de beber nespresso na sala do American Express.
    Um fato curioso: Estive hospedado no L’Hotel de São Paulo ( na av.Campinas ) e no quarto tinha uma máquina destas. No que eu fiquei super feliz… Só que tinha uma notinha pequeninininininha perto dela: Café custa R$ 7,00 ! Como é que pode um hotel que cobra trucentos reais por diária, cobrar pelo uso de uma máquina que está no quarto ? Eu hein !
    Cora, bom proveito e nos diga, depois, com mais experiencia, qual o realmente mais gostoso ! ( aliás, esta da cápsula recarregável é ótima ! Resolve tudo ! )

  11. Depois de cobiçar muito uma dessas cafeteiras chiques, cheguei à conclusão que iriam virar um trambolho aqui em casa e acabei optando pela Senseo. Pra nós é o melhor custo/benefício. Por enquanto as opções de sabores são limitadas (só a Pilão tem sachet pra ela, mas é fácil de achar no supermercado), mas já andei xeretando por aí e tem como fazer sachets caseiros…

  12. Cora! Que prazer reencontrar seus textos! Não perdia suas colunas e reportagens pelos idos da década de 90 no d’O Globo. Com o advento da internet e a quase extinção dos cadernos de informática deixei de ler muita coisa boa. Isso somado a um casamento e rotina de trabalho mais apertada.
    Bem, com relação às cafeterias domésticas, gostei bastante da linha Dolce Gusto, da Nescafé, que faz mais que o café expresso e acaba atendendo a um leque maior de degustadores, especialmente por que aqui em casa o único que gosta de expresso sou eu.

    Ótimo encontrar seus textos de novo e grande abraço!

  13. Eu já percebo algumas sutilezas que diferenciam um café arábico de outro. Mas, hei de confessar que adoro um conilon, dos que são usados para café solúvel porque são fortes. Bem mais fortes que os cafés arábicos. 😉

  14. Cora, aqui em casa tem uns 3 meses que compramos nosso Pixie e adoramos as degustações.
    Eu gosto mais do aromático Rosabaya; meu marido do inconfundível Roma e do intenso Arpégio e o filhote gosta dos descafeinados curtos.

    Adoramos a cafeteira em todos os sentidos. Boa aquisição.

    Para os apaixonados pela bebida.. a Pixie é tudo de bom.

  15. Vou fazer um cafezinho. Chegou-me a vontade com o papo do Nespresso.
    Não tenho um (Nespresso), mas lá vou me ajeitando com uma daquelas cafeteiras de pressão italianas baratinhas. (não é chinês, pronto!)

Diga lá!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s